terça-feira, 26 de novembro de 2013

Pastor testemunha que maná ainda cai em regiões da África; Universidade fez análise do material e atestou ser próprio para o consumo.


Durante o êxodo judeu do Egito em direção à Terra Prometida, Deus providenciava alimento para o povo em forma de maná, um alimento descrito como flocoso e com sabor adocicado, que caía do céu todas as manhãs.

O pastor Gérson Pires de Araújo, adventista, revelou em vídeo publicado recentemente que durante um ano em que trabalhou como voluntário na África ensinando teologia a seminaristas de Angola, soube de uma região do país onde haviam relatos de que o maná descrito pela Bíblia ainda caía no campo.

Curioso para ao menos ir ao local onde o alimento teria caído, ele e sua esposa foram ao local, acompanhados por outros irmãos angolanos, e descobriram que, apesar de em poucas quantidades, o maná ainda cai.

No vídeo, o pastor Araújo explica que na região, há uma missão cristã e que seus voluntários passaram por muitas privações, desde 1939, quando houveram os primeiros relatos da queda do maná naquela área. Mais recentemente, uma criança descobriu o maná enquanto os adultos se reuniam para definir o que fazer para obter alimentos já que era época de seca.

Segundo o testemunho, a criança teria voltado com as mãos cheias de flocos brancos e dizendo que homens vestidos de branco teriam dito que eles poderiam se alimentar daquilo.

"Não existe explicação natural para aquilo, porque é um lugar específico, e não é em grande quantidade porque não há necessidade

Missionários colhem o maná em Angola

Missionários colhem o maná em Angola

disso. Então, fiquei pensando: porque será que isso cai ali, desde a época em que caiu grande quantidade? Para mim, ao analisar um pouco a maneira como Deus trata seus filhos, é que Deus ainda quer dizer o seguinte: 'Meu filho, se você um dia passar necessidade, não temas, não tenha preocupação, porque eu vou te sustentar'. Isso me fez lembrar daquela passagem da Bíblia que diz que seu pão e suas águas serão certas. Não importa o que venha, desde que nós somos filhos de Deus, confiamos n'Ele inteiramente, nós não vamos morrer de fome", comentou o pastor.

Araújo afirmou que trouxe para o Brasil, envolto em papel, uma pequena quantidade do maná que ele conseguiu colher no dia que foi à região, e o levou para análise em um laboratório dedicado ao estudo de massas da Universidade de Campinas (Unicamp), e o resultado dos testes indica que a composição do maná contém frutose, glicose, sais minerais e aminoácidos, o que o torna apropriado para o consumo humano.

Assista o vídeo: Assista aqui

Fonte:Gospel +

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Salão Internacional Gospel fará exposição com nomes engraçados de igrejas evangélicas

O crescimento numérico dos evangélicos no Brasil e a expansão das denominações de linha pentecostal proporcionam o surgimento de pequenas igrejas com nomes curiosos, que vez ou outra, se tornam alvo de piada nas redes sociais.

 

Agora, o próprio meio evangélico voltou as atenções para esses casos e os nomes curiosos de igrejas serão tema de uma exposição do Salão Internacional Gospel em setembro de 2014.

 

Os curadores da exposição "Sabe o nome da igreja?" são o fotógrafo Adilson Santos e a jornalista e cineasta Luciana Mazza. A dupla realizou uma ampla pesquisa, juntando nomes atípicos de registro em igrejas Brasil afora.

 

"A ideia é fazer uma homenagem com respeito e bom humor a expansão dos evangélicos, das igrejas e de seus pastores. Lembrar que é importante congregar, que é fundamental frequentar a casa do Pai celestial, independente do nome que tenha", justifica a dupla.

 

Os nomes, sejam eles inusitados ou apenas engraçados, servem como referência para entender o público a que a denominação é voltada, como por exemplo, as igrejas Caverna do Rock e Caverna de Adulão.

 

Piada

 

Os nomes engraçados de igrejas há tempos são motivo de piadas na internet, que é palco da proliferação de "correntes" de e-mails e imagens em redes sociais com extensas listas de denominações com títulos inusitados.

 

Veja alguns nomes:

 

Assembléia de Deus do Pai, do Filho e do Espírito Santo

Assembléia de Deus Batista A Cobrinha de Moisés

Assembléia de Deus Fonte Santa em Biscoitão

Comunidade do Coração Reciclado

Congregação Anti-blasfêmias

Igreja Automotiva do Fogo Sagrado

Igreja Aceita a Jesus

Igreja Evangélica de Abominação à Vida Torta

Igreja Batista Incêndio de Bênçãos

Igreja Pentecostal Jesus Nasceu em Belém

Igreja Batista A Paz do Senhor e Anti-Globo

Igreja Jesus Está Voltando, Prepara-te

Igreja Evangélica Jesus Foi Ali e Já Volta

Igreja Evangélica Jesus é Lindo e Cheiroso

Igreja Palma da Mão de Cristo

Igreja da Cruz Erguida para o Bem das Almas

Igreja Filho do Varão

Igreja Sinais e Prodígios

Igreja Evangélica Florzinha de Jesus

Igreja Evangélica Pentecostal Cuspe de Cristo

Igreja Evangélica Muçulmana Javé é Pai

Igreja Abre-te Sésamo

Igreja Evangélica dos Hinos Maravilhosos

Igreja Pentecostal Marilyn Monroe


Fonte: Gospel+

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

O meia Zé Roberto do Grêmio afirma sofrer perseguição por evangelizar colegas

 Zé Roberto, jogador do Grêmio, diz que está na reserva do time por evangelizar colegas

O jogador Zé Roberto, evangélico, meia do Grêmio, afirmou durante um culto que sua postura de evangelismo tem prejudicado sua passagem pelo time gaúcho, onde é reserva atualmente.

Experiente e com passagens por grandes clubes europeus e brasileiros, Zé Roberto foi contratado em 2012 pelo time tricolor de Porto Alegre, e foi destaque na temporada. Este ano, com a chegada do técnico Renato Gaúcho, passou a ser reserva.

"Um jornal publicou que o motivo de eu estar no banco de reservas do Grêmio é o fato de eu estar levando a palavra de Deus aos jogadores do Grêmio. Se o motivo é esse, então eu vou ficar o resto da minha vida no banco", disse o meia durante uma palestra feita para mais de 3 mil jovens na igreja Encontros de Fé.

O pastor da igreja, Isaías Figueiró, declarou em entrevista ao GloboEsporte.com que o testemunho de Zé Roberto foi enriquecedor para os jovens, tricolores e colorados, que estavam presentes no culto.

ze roberto culto

 "Ele colocou que tem muita satisfação, ainda com 40 anos, de ter saúde e poder contribuir para um time de grande expressão. Mesmo com a reserva, ele está em paz. Foi um evento especial. Ele é um vencedor", resumiu o pastor.

 

terça-feira, 5 de novembro de 2013

O exemplo pessoal na educação dos filhos - subsídio à lição 6 da Lições Bíblicas CPAD

Artigo publicado por Eliseu Antonio Gomes em UBE Blogs e blog Belverede

Deus confiou aos pais a sublime tarefa de educar os filhos (Deuteronômio 6.1-9). Educar é uma missão que vai muito além da obrigação de alimentar e vestir, é instruir.
Que modelos os filhos estão seguindo? Se o modelo que eles encontram em casa é deformado, isso não deixará de criar uma confusão na mente deles. É por isso que os pais devem ter muito cuidado na educação dos filhos, não se contentar apenas com a provisão material.
Quando não existe uma conduta coerente dos pais, entre o que fazem e o que ensinam, os adolescentes passam a enxergar uma coleção de sim ou não confusa, um mundo de moralidade desconexo. Durante a fase infantil eles aceitam os pais sem críticas, mas ao chegar o período da adolescência passam a questionar. Os adolescentes examinam o comportamento dos pais usando a lupa de moralidade que eles mesmos lhes deram na fase infantil. Fazem julgamento moral de tudo, e não excluem seus pais do exame.
Hegel, filósofo alemão, afirma que todos nós, quer queira ou não, somos produtos do nosso tempo e de nossa época. O certo é que como seres sociais seguimos modelos até inconscientemente, em algum momento de nossas vidas nos espelhamos em alguém. Esse modelo pode ser certo ou errado, são a figura dos pais, amigos, modelos culturais. Esses modelos que norteiam o movimento da sociedade são chamados de paradigmas.
A sociedade ocidental por muitos séculos aceitou como padrão a ser seguido a cultura judaico-cristã. O cristão autêntico preserva como paradigma os valores encontrados na cultura bíblica, porém a sociedade moderna tem contestado a religião e entronizado a ciência em seu lugar. Assim, floresce a crença na subjetividade humana, a mudança de pensamento concernente a cosmologia, fé no progresso baseado no avanço científico. E a pós modernidade troca a fé pela incerteza, dogmatiza crenças por meio da relativização e subjetividade, troca a ética pela estética, é hedonista, individualista e narcisista, consome o supérfluo ao invés de priorizar o que é necessário.
"O que retém a vara aborrece a seu filho, mas o que o ama, cedo o disciplina" - Provérbios 13.24.
Na educação dos filhos, é necessário que haja a introdução do amor, disciplina, religiosidade, ética e cidadania. A disciplina não é o castigo, como muitos pensam. Trata-se de um conjunto de regras. Disciplinar é ensinar a criança impondo limites, dizendo não ao comportamento equivocado e incentivando aquilo que é digno, honesto, íntegro. Amar não é fechar os olhos e deixar de corrigir. O maior ato de amor é aplicar a correção quando os filhos estão errados, adverti-los quando forem repreensíveis.
A responsabilidade dos pais é educar os filhos no caminho correto, fazê-los pessoas preparadas para viver como cristãos exemplares neste mundo caótico, influenciado pela filosofia moderna e pós-moderna. Terceirizar a educação das crianças pode resultar em consequências nefastas.
Os filhos precisam encontrar na vida de seus pais integridade, humildade, fidelidade, persistência, coragem, justiça, paciência, diligência, modéstia, a decisão de fazer aos outros apenas o que desejam a si mesmos. .Quando os filhos encontram ética na personalidade dos pais, eles são conquistados através desse exemplo. Valem as máximas: "sua atitude determina sua altitude", "o bom procedimento gera pessoas de bem", isto é, o que é visto de bom interioriza princípios e hábitos salutares.
Para os pais conseguirem fazer com que seus filhos sejam, voluntariamente, praticantes dos valores contidos na Bíblia Sagrada, é necessário que eles sejam praticantes desses mesmos valores.
O livro de Provérbios possui dezenas de princípios para a condução do processo educativo, que norteia os pais à aplicação de princípios cristãos, tomando como base os valores éticos morais.
O livro de Provérbios possui ensinos preciosos para a educação de crianças, jovens e adultos. Encontramos orientações de Salomão para a construção do homem em sua integralidade, que favorecem o crescimento intelectual, psicológico, social e espiritual.
E.A.G.
O artigo se consiste em resumo e compilação. 
Sábios Conselhos para um Viver Vitorioso; José Gonçalves, capítulo 6, Rio de Janeiro (CPAD).

__________

Visite Uniao de Blogueiros Evangelicos em: http://www.ubeblogs.com.br/?xg_source=msg_mes_network


segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Entre armas e rosas - O que fazer em uma briga? Revidar ou calar?


Minha boca anseia por palavras as quais não posso falar. Ao menos todas não poderei falar.  Sonoramente não as direi, ao menos que seja intentado a falar-las. O mais coerente a ser feito é o silêncio. A ira nos faz desabrochar palavras que não diríamos a ninguém. As vezes sabemos muito e nada podemos falar. É Por isso que vou guardar todas as palavras que iria jogar ao vento.

Muitas vezes, no calor do momento, pensamos que o melhor a fazer é "jogar na cara" (falei) falar tudo que pensamos e que isso nos "lavará a alma". Isso na verdade não é nada bom tanto para nós como para quem irá escutar o que temos a falar. Salomão nos disse em Provérbios 13:3 "Quem guarda a sua boca guarda a sua vida, mas quem fala demais acaba se arruinando".

Falar de mais é burrice. Falar tudo que pensamos, ou que sabemos, é como se acionássemos uma bomba atômica. Não há nada tão devastador quanto uma bomba atômica, em segundos ela acaba com tudo, com construções, com vidas, ela arrasa tudo que vê pela frente. Assim é quando falamos tudo que pensamos, podemos acabar com um relacionamento, acabar com um vida, acabar com um sonho, com a construção de uma vida... Enfim, muita semelhança.

A vida nos ensina que nem tudo deve ser dito, nem tudo deve ser confrontado, nem todo problema tem solução, e, por isso, temos de saber dosar cada situação. Sem sabedoria para moderar vamos acabar matando muitas coisas.

Se somos ofendidos, se estamos magoados, se estamos traídos... o que fazer? Relevar a ofensa! Você deve neste momento ter pensado: "Relevar, parece fácil para que está de fora dizer isso. Quero ver você no meu lugar o que faria?" Eu como você tenho sentimento, me magôo, mas Jesus me ensinou: "Mas, se alguém te bater na face direita, oferece-lhe também a outra." Mateus 5:39

Em Provérbios Salomão nos aponta o amor como a solução para as contendas. Somente trazendo o amor à tona poderemos relevar a ofensa e, assim, preservar o outro e o vínculo que temos com o outro. Lembre-se que Deus é o amor!

O que eu tenho visto, todos os dias no trabalho, nas ruas, nas famílias é pessoas que esperam que o outro se (...) prejudique para que, assim, possam obter aquilo que o outro tem.  O prestígio, amizades, cargos profissionais, etc. E quando tal prejuízo não acontece naturalmente, então, não custa nada dar uma mãozinha ao acaso, pensam alguns... E daí surge tudo quanto é tipo de ofensa, maldade, falsidade, mentira, fofoca, e o pior de tudo, é que tais maldades, quase sempre, são feitas em nome da "justiça" e da "verdade". (...?) ("Conheceis a verdade e a verdade vos libertará" João 8-32)

Aqui não estou dizendo que temos de passar a mão na cabeça daqueles que nos ofendem, que devemos "engolir" a ofensa, que não podemos revidar ou que não devemos tirar satisfação com quem nos ofendeu. Pelo contrário, penso que devemos resolver aquilo que nos constrangeu ou nos prejudicou, porém, antes, temos de refletir se realmente vale à pena. Sim vale a pena. Sempre valerá a pena. Devemos entender que somos diferenciados, "Vós sois sal da terra, vós sois a luz do mundo" (Mateus 5-13:14). Devemos entender também que há pessoas, principalmente aquelas que não se importam em ferir os outros, que, infelizmente, por mais que sejam orientadas, advertidas e censuradas, nunca vão aprender o que quer que seja. Pessoas assim, infelizmente, têm como castigo a dolorida tarefa de conviver consigo mesmo, sem amigos, isolada, pois, quem em sã consciência vai estar com alguém intransigente?

Portanto, se você conhece e convive com alguém assim, seja sábio, não perca tempo com as sandices que ela irá te propor. Não se deixe permitir que os comportamentos negativos das pessoas mal intencionadas roubem a sua lisura, educação, prudência e tudo aquilo que há de bom em você. Viva sob a condução do amor. Amor a Deus, às pessoas e a si mesmo, pois, isto sim agrega valor e qualidade de vida à nossa vida. Deus é AMOR!

Lembre do que está em Provérbios 6:16-19 diz: "Seis coisas o SENHOR aborrece, e a sétima a sua alma abomina: olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente, coração que trama projetos iníquos, pés que se apressam a correr para o mal, testemunha falsa que profere mentiras e o que semeia contendas entre irmãos."

Aborrecer quer dizer sentir horror àlguma coisa. Abominar é detestar. Examinemos estas sete coisas que aborrece à Deus.

Quando fala em olhos altivos quer dizer olhos elevados (o nariz empinado), arrogância e orgulho exacerbado, sejamos humildes. Deus sempre condena a arrogância dos homens, pois ela contraria a sabedoria divina. Sejamos contra a soberba e a arrogância dos homens assim como Jesus em seu tempo. A língua mentirosa Deus odeia a mentira. O mentiroso será castigado por Deus (Salmo 7:12-16). Muitos confiam na mentira, se achando capazes de enganar o mundo e até o próprio Deus. Quem é o pai da mentira?

Deus sempre detestou a violência dos homens. Na nossa sociedade, a violência descontrolada é lamentável. Segundo a palavra devemos agir pacificamente num mundo repleto de crueldade.Quando Deus falou de derramar sangue inocente, ele ajuntou a violência e a injustiça. Deus é perfeitamente justo, e qualquer injustiça é uma rejeição do caráter dele (Deuteronômio 32:4).

Para entender melhor a atitude de Deus sobre o "coração que trama projetos iníquos", leia Salmo 50:16-23. Este trecho mostra que até pessoas que dizem ser servos do Senhor e até as que ensinam a palavra de Deus podem ser culpadas desse pecado. Não adianta pregar a palavra de Deus e usar a mesma boca para difamar irmãos. Não deve condenar os ladrões e adúlteros com a boca enquanto participa dos mesmos pecados.

Pés que se apressam a correr para o mal. Deus criou o homem para servir a ele. Deus não pede meramente que não pratiquemos o mal, mas que o aborreçamos. Ele não quer apenas que façamos o bem, mas que o consideremos nosso melhor amigo. Que desafio!

Testemunha falsa que profere mentiras. Duas vezes nessa lista? De sete itens Deus inclui duas vezes a mentira. Podemos exagerar a gravidade desse pecado?

O que semeia contendas entre irmãos. Mais uma vez, encontramos nessa lista um pecado que envolve, principalmente, o uso errado da língua. Contendas são obras de maldizentes. "Sem lenha, o fogo se apaga; e, não havendo maldizente, cessa a contenda" (Provérbios 26:20). Há, infelizmente, pessoas neste mundo que se ocupam falando mal dos outros e semeando contendas. Deus detesta tal comportamento.

Contendas são fáceis a começar e difíceis a terminar. Como um pequeno buraco numa barragem facilmente sai do controle da pessoa que o fez, uma pequena contenda cresce de tal maneira que ninguém consegue freá-la. "Como o abrir-se da represa, assim é o começo da contenda; desiste, pois, antes que haja rixas" (Provérbios 17:14).

Conclusão: A melhor maneira de resolver uma briga é não começá-la.

Durante minha vida aprendi uma coisa importante: quando amamos uma pessoa, procuramos evitar as coisas que ela não gosta. Quando Deus diz que detesta essas sete coisas, está dizendo que as pessoas que o amam farão tudo para tirar todos esses pecados da própria vida. Que Deus nos ajude a viver livre destas coisas. Você em uma briga o que faria? Vamos semear o amor? Vamos evitar uma briga. Ao invés de armas, rosas. O que você acha? Antes de explodirmos a bomba atômica vamos semear o amor de Deus para que possa nascer flores e frutos nos corações contenciosos.

Paz e amor á todos. Tenham uma ótima semana e fiquem com o Senhor em seus dias!   

 

 

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Pastor afirma que “brincadeira da foto de girafa” no Facebook é “armadilha do satanismo para gerar pactos involuntários”; Entenda

Pastor afirma que

Uma brincadeira que se tornou viral no Facebook envolve uma charada e uma espécie de penitência para quem não acerta a resposta do enigma proposto. Como muitas coisas nas redes sociais, a brincadeira se tornou uma espécie de viral, e já suscitou polêmicas.

O pastor Carlo Ribas, líder Igreja Unção e Poder e que se declara ex-satanista, afirma que a "brincadeira da girafa", como ficou conhecida, é uma estratégia satânica para forçar alianças entre os internautas e o diabo. O desafio foi criado pelo vlogueiro Andrew Strugnel e o vídeo, em inglês, já tem mais de 130 mil visualizações, segundo informações do site TechTudo.

"É uma armadilha que o satanismo usa  e abrir legalidade espiritual na vida das pessoas", afirma o pastor, que escreveu um artigo sobre o assunto em sua página no Facebook.

Na explicação sobre em que consiste a brincadeira, o pastor afirma que ao participar da "brincadeira da girafa", as pessoas fazem algo simbólico de forma inconsciente: "[A brincadeira] consiste em participar de uma charada (que um demônio vai trazer a resposta), gerando o pacto involuntário. A charada é a seguinte: 'Três da manhã, a campainha toca e você acorda. Visitantes inesperados: são seus pais, que chegaram para o café da manhã. Você tem geleia de morango, mel, vinho, pão e queijo. Qual a primeira coisa que abre?'. A resposta é 'abro o olho' (Os olhos são a porta do corpo/alma/espírito)… Parece inocente, mas vejam o que a Bíblia diz, em Apocalipse 3:20: 'Eis que estou à porta e bato (JESUS). Se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei em sua casa, e com ele cearei, e ele comigo'. Abrir a porta é um símbolo espiritual para abrir a vida".

Segundo Carlo Ribas, há referências à homossexualidade e até ligações a um suposto horário crucial no mundo sobrenatural: "Não acham estranho uma 'visita inesperada' vir tomar café da manhã as 3:00h?? Na 'brincadeira' a pessoa receberia uma visita inesperada as 3:00h. Três horas da manhã é um horário estratégico no inferno, dentro da magia negra no satanismo, para abertura de portais espirituais onde geram legalidades sobre vidas. A pessoa que erra a resposta, troca sua foto por 3 dias e coloca no lugar (perfil da rede social) uma imagem de uma girafa. Com isso gera a primeira legalidade de troca de identidade espiritual e abertura para opressão e – posteriormente – possessão demoníaca. A girafa é um animal símbolo da sensualidade e um dos animais que mais possuem relações entre membros do mesmo sexo, numa escala de um caso para cada dez animais", argumenta o pastor, que também é escritor e conferencista na área de batalha espiritual.

O pastor alarma: "Muitas correntes, brincadeiras aparentemente ingênuas e inofensivas aparecem nas redes sociais e os crentes, incautos, participam. Cuidado! Satanás é astuto e esperto. Ele sabe como enganar os eleitos e gerar maldições", afirma, acrescentando precauções ao dia 31 de outubro, que é lembrado como o Dia das Bruxas: "Para muitos é só uma festa, mas no satanismo é o ritual mais poderoso, entre as oito festas mágicas do ano, chamado de Shamainh, o ritual da noite mais longa do ano. Neste ritual, espíritos de morte são autorizados pelo inferno para transitarem pelas ruas. As pessoas que fazem a brincadeira da girafa (e tantas outras) geram legalidades para que esses demônios entrem em suas casas".

Veja o texto completo do pastor Carlos Ribas